23 de jan de 2010 40 Declarações de outras almas

Do poema a 4 mãos


a princípio,
quero entrelaçadas
às minhas as tuas mãos
: tato - olhar - silêncio
- a poesia que nos espere.


Para uma alma-poeta que é luz
e saudade urgente em mim.

13 de jan de 2010 40 Declarações de outras almas

Dos quereres


Ela entendia não poder todo querer.
Já quis poder acender a luz para ver do que era feito o escuro. Quis poder tocar nuvem para sentir água em forma de algodão. Quis que a madureza do presente já estivesse presente em longínquo passado.
"Querer não é poder", deduzia.
Porque ela é daquelas que começa a entender que há coisas que existem apenas pela sub-existência de outras; que o desejo, para continuar sendo, nunca pode ser satisfeito por completo.
Por isso a aprendizagem: vê que o prazer da vida só é possível pela falta que constrói o anseio.
Ela se alegra em poder aprender.

"Continuação" das postagens Das reincidências e Das passagens.


A mãe reparou que o menino
gostava mais do vazio
do que do cheio.
Falava que os vazios são maiores
e até infinitos.
(Manoel de Barros)
4 de jan de 2010 39 Declarações de outras almas

Do soneto do amor trépido

Haverei de resguardar o coração
das inúmeras ciladas que há no teu?
Preterir-te, sem que meu instável chão
se desmanche, caso venha o adeus?

Nos meus sonhos, suplicante, em oração,
peço ao Deus que me conduza nesse breu
de amar-te; e, toda tua ser, então,
sem o medo que carrego, que é tão meu!

Haverei de esquecer que dor e amor
filhos são da mesma deusa e, com primor,
andam juntos e se deleitam nos reféns?

Haverei de abrir mão do teu calor
e ouvir esse meu pueril pudor
mas não ver o que a vida tem de além?
t. prates


> Eu e essa mania de amor.
>> Imagem daqui.
13 Declarações de outras almas

Dos nomes das histórias

Quero agradecer a todos os que vieram comigo co-memorar o primeiro ano do blog,
e de maneira ainda mais especial, aos que partilharam o nome da história das suas almas.


Meu abraço grato a essas histórias...





Paulo, história ainda sem título...
Ventanias

E que venha os capítulos inéditos de 2010!

> Imagem daqui.
 
;