25 de abr de 2012

Da paisagem


minhas retinas
teimosas 
retêm 
os traços
do teu tato 
: meus olhos (res)sentem,

(por vezes,
o que está dentro das pálpebras 
faz mais paisagem do que está fora.)


21 comentários:

André Salviano disse...

clap clap clap! sem mais.


baci,
@paraquenomes

Anônimo disse...

Simplesmente profundo. Profundamente simples. Sempre dizes tanto em tão pouco.
Belíssimo.

Abraço, Bianca.
@Bi_Mor

AC disse...

Guardar o que nos diz algo faz parte da nossa essência. Recolhemos, tratamos, assimilamos...

Beijo :)

Fabrício Franco disse...

E não é quase sempre assim, a paisagem interna mais forte e pujante que a que nos cerca? Obrigado por me lembrar dessa verdade, Poetisa.

Beijo!

Gislãne Gonçalves disse...

O interior, às vezes, se mostra mais interessante e cheio de vida do que o exterior!

:)
Belíssimos versos!

Gislãne do blog "Vê se ri um pouco"
http://mudabcapontocom.blogspot.com

Rafaela Gomes Figueiredo disse...

e essa alma faz cada história mais linda que a outra, nesses passeios de sentidos sem fim...

meu amor e admiração sempre, sua linda!

Linguagem e Poesia - Bruno de Andrade disse...

Paisagens existem sem o nosso olhar? Paisagem não envolve certa ordem entre os elementos, certa harmonia? Mas essa ordem somos nós que damos (interpretamos). Nós percebemos essa ordem natural. E a essa ordem apreendida chamamos "paisagem". Com os olhos fechados, o olhar se volta para o íntimo, aí as lembranças são ressentidas e tudo que é ressentido torna-se mais vivaz, mais intenso, mais nítido. As paisagens da alma são mais impregnantes, sem dúvida! E sua alma nos pinta sempre belas e perturbadoras paisagens.

Beijos, querida!

Adriana Godoy disse...

Ai, Talita, adoro vir aqui e (re)ler seus poemas. Beijo

Rachel Nunes disse...

O que os olhos guardam na alma, é bem mais do que eles observam do lado de fora.

Intenso, lindo.

Beijos, Talita!

Poeta da Colina disse...

O medo é não saber reconstruir.

Alicia disse...

a alma vê mais do que os olhos
isso é clichê

escrever isso que eu só sei dizer em clichê, com palavras de nuvem, isso só vc faz.

Will Carvalho disse...

O mundo cá, dentro de nós, parece sempre mais eterno. Algumas pessoal carregam-nos com essa eternidade.

bjos

Gabriela Castro disse...

Nas janelas da alma.

Guilherme disse...

Penso que a paixão mora nos olhos.

Rafaela Gomes Figueiredo disse...

saudade urgente de seus versos anímicos, florinha...
(L)

@silmaracris disse...

"Ganhei" algumas horas lendo os textos do seu blog. Quanta sensibilidade e inspiração...

Monique disse...

A gente cobre os olhos com a pálpebra e vê mais que antes.

Nadine Granad disse...

... Também senti uma vontade, quase que uma necessidade de aplaudi-la ;)

Gostei muito do seu cantinho e aqui fico ;)

Felicidade Clandestina disse...

olhos que teimam em ver-te...

Nayara .NY disse...

Acende sim!
Acende a vida!
Belíssimo!

Bjooo

Dani Lusa disse...

Chegou a amortecer aqui dentro, agora.

Nem sei o que dizer.

 
;